sábado, 14 de janeiro de 2012

PSORÍASE

.
Não há cremes nem loções que curem problemas de pele se a alimentação
não fornecer os nutrientes necessários para a sua reparação e renovação.
A psoríase, doença crónica que pode afetar membros da mesma família,
origina manchas de pele rosada e descamada em geral nos cotovelos, joelhos,
queixo, couro cabeludo e unhas.
Muitos doentes acham que os sintomas melhoram quando apanham sol.
A psoríase moderada pode ser tratada com PUVA (psoralenos e ultravioletas A),
que associa fármacos psoralénicos, que sensibilizam a pele à luz solar, e uma
dose controlada de luz ultravioleta.
Verificou-se que os doentes têm uma falha no metabolismo da vitamina D,
que pode ser receitada sob a forma de pomada.
A psoríase pode ser aliviada ou exacerbada pelos alimentos.
O peixe gordo, que parece aliviar alguns sintomas, deve ser incluído na dieta.
Contém ácidos gordos ómega 3 de efeito anti-inflamatório,e grandes quantidades
de vitamina D, em muitos casos, cortando certos alimentos da dieta, como lacticínios,
gorduras animais carne e especiarias, obtém-se uma franca melhoria.
Evite miudezas de animais, fonte de ácido araquidónico, que o organismo converte em
prostaglandinas pró-inflamatórias, agravando o problema, consulte um nutricionista.
Reduzir a ingestão de álcool pode ser benéfico, pois o álcool dilata os vasos sanguíneos
e aumenta o afluxo de sangue à pele, exacerbando o prurido e a descamação.
.

Um comentário:

Dudis disse...

Olá, conheço a doença de perto, pois vivo com ela desde os treze anos de idade, e não penso que o sol ajude, tenho a certeza que o sol ajuda, pois no verão, as manchas desaparecem totalmente, e quanto mais sol apanhar no verão, melhor passo o inverno, esta realmente ligado a vitamina D, por isso mesmo o sol é tão importante. Gostei do artigo, bjos doces

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search