sexta-feira, 20 de abril de 2012

ALERGIA OU INTOLERÂNCIA ?

Há muitas razões para reagirmos mal a um alimento, uma das mais frequentes e perigosas é a toxinfeção alimentar,
originada pelo facto do alimento estar contaminado, por microorganismos ou suas toxinas.
Esta situação não está relacionada com as alergias ou intolerâncias alimentares.
A alergia alimentar pode ser definida como um erro das nossas defesas naturais
(sistema imunológico), que reagem a um alimento como se este fosse uma ameaça,
causando-nos efeitos indesejáveis que podem chegar a ameaçar-nos a vida(choque anafilático).
A intolerância alimentar não se relaciona com o sistema imunológico e é geralmente mais benigna.
Resulta habitualmente da incapacidade de digerir certos alimentos, podendo também ser uma
reação a certos aditivos alimentares, (em casos mais raros).
As pessoas que não conseguem fazer a digestão adequada do açúcar do leite, sofrem de
intolerância à lactose, um problema que atinge um número significativo de pessoas e que provoca
frequentemente gases,(flatulência), diarreia e distensão abdominal após o consumo de lacticínios.
A alergia e a intolerância alimentar apresentam por vezes o mesmo tipo de sintomas, contudo há aspetos que
as distinguem, como por exemplo, o facto de a alergia se manifestar de forma mais rápida do que a intolerância alimentar.
Quando se suspeita que se sofre de uma sensibilidade alimentar é importante recorrer ao médico para identificar
exatamente o que se passa, de forma a prevenir potenciais efeitos nefastos para a nossa saúde e bem-estar.
Entre os alimentos mais associados a alergias e a intolerâncias alimentares encontram-se o aipo, amendoins,
cereais contendo glúten, dióxido de enxofre(utilizado como antioxidante e conservante), frutos de
casca rija, leite, marisco, moluscos, mostarda, ovos, peixe, sementes de sésamo, soja e tremoço.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search