terça-feira, 6 de março de 2012

DORES DE GARGANTA - Parte 2/2

(continuação)
Além de terem vitamina C, fornecem betacaroteno, que o organismo converte
em vitamina A, importante para as membranas mucosas, incluindo as que
revestem o interior da garganta.
Outras fontes incluem fígado, bem como margarinas polinsaturadas e
cremes para barrar com baixo teor de gordura, que por lei, devem ser
enriquecidos com vitamina A.
Depois de um tratamento à base de antibióticos, pode ser útil a ingestão
de iogurte vivo rico em acidophilus, estes iogurtes contribuem para repor
as bactérias da flora intestinal, (fonte importante de algumas das vitaminas
do complexo B) destruídas pela medicação.
Os técnicos de medicina natural recomendam a adição de sumo de meio-limão
e uma colher de chá de mel a um copo de água quente para obter uma bebida
que alivia a garganta inflamada.
O sumo de limão contém vitamina C, que estimula a produção de saliva, o que
acalma as mucosas irritadas, e o mel também suaviza a inflamação da garganta.
Outro método natural para tratar dores de garganta consiste em
gargarejar com chá de salva, este chá prepara-se deitando uma chávena de água
a ferver sobre uma colher de chá de salva seca ou uma colher de sobremesa
de folhas frescas picadas.
A salva-bastarda é preferível à salva-de-jardim, mas ambas são consideradas eficazes.
As dores de garganta costumam durar 3 a 4 dias, se os sintomas persistirem
durante mais tempo, consulte o médico, pois podem ser um dos primeiros
sinais de uma doença, como a mononucleose infecciosa ou a papeira.
.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search