sábado, 25 de fevereiro de 2012

PROBLEMAS DA PRÓSTATA

A Próstata, uma glândula do tamanho de uma noz situada logo abaixo da bexiga, produz secreções
que fazem parte do líquido seminal.
Aumentar a quantidade de zinco na dieta alimentar de um homem que sofra de aumento do
tamanho da próstata pode aliviar os sintomas, isto pelo facto de o aumento da próstata ser
frequentemente provocado por uma acumulação de di-hidrotestosterona (produto da hormona
masculina testosterona), cuja formação é retardada quando existem no organismo quantidades
adequadas de zinco.
Uma próstata aumentada contém células com níveis de zinco mais baixos do que os normais.
Os alimentos ricos em zinco incluem cereais integrais, marisco, carne, frutos secos e sementes.
A vitamina E e alguns ácidos gordos presentes nos peixes gordos, também podem ser aconselháveis
devido à sua ação anti-inflamatória.
Alguns médicos aconselham a ingestão de 1,5 a 2 litros de líquidos por dia;
os fitoterapeutas recomendam diuréticos suaves, como chá de salsa ou de sementes de aipo.
Outras bebidas diuréticas, como álcool, café e chá, são irritantes, pelo que só devem ser
tomadas ocasionalmente.
Uma próstata aumentada pode dar origem a micção frequente, bem como a enfraquecimento
ou interrupção do fluxo de urina.
Outros sintomas incluem dor durante a micção e total bloqueio da urina, o que requer
assistência médica imediata.
O aumento da próstata ocorre a maior parte das vezes em homens com mais de 50 anos, mas
sobretudo entre os 60 e os 70 anos.
Uma próstata aumentada também pode resultar de um tumor maligno, pelo que qualquer
homem que tenha os sintomas atrás descritos deve com brevidade consultar um médico.
Em formas mais graves e estados mais avançados, os tumores podem espalhar-se até à
coluna, provocando dores de costas.
A menos que seja diagnosticada e rapidamente tratada, esta forma de doença pode ser mortal.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search