quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

A FADIGA OU O CANSAÇO - Parte 2/2

.
(Continuação)
As dietas drásticas são desaconselháveis; é preferível emagrecer lentamente mas com
segurança, cerca de 0,5-1kg por semana, reduzindo a ingestão de gorduras.
Um grama de gordura contém o dobro das calorias de 1g de proteínas ou de hidratos de carbono.
Para emagrecer sem fadiga, substitua os alimentos gordos por alimentos com hidratos de
carbono, como fruta, pão e massas alimentícias.
O zinco é essencial para muitos dos enzimas orgânicos, sendo por isso de importância vital
para o metabolismo energético.
As boas fontes de zinco são a carne vermelha e o marisco, sobretudo as ostras.
Apesar de, aparentemente o álcool poder ser um bom estimulante depois de um dia difícil
a verdade é que, aumenta a fadiga, pelo que acaba por nos fazer sentir pior e não melhor.
ESTIMULANTES
A cafeína presente no café, no chá e nas bebidas à base de cola alivia a fadiga a curto prazo,
mas uma quantidade excessiva pode provocar uma sensação de cansaço.
OUTRAS CAUSA DE FADIGA
As causas subjacentes da fadiga prolongada podem doenças ir desde doenças fisícas,
como a MONONUCLEOSE INFECCIOSA e ENCEFALOMIELITE MIÁLGICA, a estados
psicológicos, como o STRESS ou DEPRESSÃO.
A ausência de stress ou de estímulo também pode provocar fadiga.
A falta de exercício pode ser outra causa de fadiga - o exercício aumenta a capacidade de
armazenagem de oxigénio nos músculos e estimula o sistema imunitário.
Pode ser essa a última coisa que lhe apeteça fazer quando está cansado, mas o exercício
deve fazê-lo sentir-se revigorado.
.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search