domingo, 26 de fevereiro de 2012

ALUMÍNIO

Na sua maioria, os minerais não constituem uma ameaça para a saúde, mas o alumínio pode ser uma importante excepção.
Encontram-se quantidades vestigiais deste mineral em todos os organismos vivos, mas não há
a certeza de que tenha alguma função biológica.
Cerca de 8% da crosta terrestre é formada por alumínio, no entanto, as plantas, excepto o chá,
absorvem-no do solo em porções reduzidas, e a maior parte do alumínio que entra no corpo humano é expelida.
Apesar disso, dizer-se que um excesso de alumínio na dieta pode lesar o cérebro, agravando
situações como a doença de Alzheimer, ainda é controverso.
O alumínio é adicionado ao sal de mesa para evitar que os grãos se "colem".
Também se encontram baixos níveis deste mineral na água canalizada devido à utilização de
sulfato de alumínio no seu tratamento, o nível de alumínio na água, está rigorosamente regulamentado,
cabendo às entidades competentes efetuar análises de controle.
O hidróxido de alumínio entra na composição de muitos antiácidos usados para tratar a indigestão.
Também se pode encontrar este mineral em alimentos ácidos, como por exemplo, nos pickles,
ou na fruta cozida, cozinhados em tachos de alumínio.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search