sábado, 10 de dezembro de 2011

SELÉNIO

.
O Selénio, é um mineral antioxidante, faz parte do enzima glutatião peroxidase, envolvido na
protecção dos tecidos orgânicos contra as lesões provocadas pelos radicais livres.
É também um regulador da produção de prostaglandinas.
Sem este mineral, não haveria crescimento normal nem fertilidade, o fígado não funcionaria
normalmente e a produção de hormonas importantes não teria lugar.
Descobriu-se que o selénio é essencial para a produção da forma activa da hormona tiroideia.
é também essencial para o cabelo e a pele e necessário para a visão.
Como no caso de outros microminerais, os níveis de selénio nos alimentos estão relacionados com
as quantidades existentes no solo onde são cultivados.
Em algumas regiões, como a Nova Zelândia, os níveis de selénio no solo são demasiado baixos, é
frequente verificarem-se deficiências orgânicas deste mineral.
A doença de Keshan, provocada por uma deficiência de selénio, é endémica em algumas zonas da China.
A doença de Keshan afecta crianças pequenas e provoca insuficiência cardíaca.
A excessiva ingestão de selénio, é muito rara, havendo pouco ou nenhum risco derivado desse
mineral numa dieta que seja normal e equilibrada.
O selénio pode ser encontrado nas miudezas de animais e noutras carnes, peixe e marisco,
lacticínios (sobretudo manteiga), abacates, citrinos e cereais integrais.
.

Nenhum comentário:

PESQUISE NO TRUQUES & DICAS

Custom Search